Monitoramento: logs como elemento de primeira ordem


Resumo

Traremos a importância dos Logs no contexto do monitoramento, apresentando como podemos ser efetivos na hora de: interpretar a experiência do usuário; entender o comportamento das nossas aplicações; como obter insumos para tomada de decisões em nossos produtos, e quanto nos custa essa prática.

Descrição

Através da prática de monitoramento em nossos serviços, podemos:

  • interpretar métricas, visualizar experiências dos usuários;
  • entender o comportamento das nossas aplicações;
  • e extrair dados que trazem informações importantes para o negócio.

A prática de monitoramento é constituida de alguns componentes, e essa palestra tem o intuito de trazer o Log como elemento de primeira ordem na concessão dessa atividade.

Caso aconteça algum problema em seu microserviço, será complicado encontrar a causa raiz, pois em sua filosofia, os serviços devem ser independentes entre si. Se o log for bom o bastante, o estado reportado de um microserviço no momento da interrupção pode ser suficientemente conhecido e compreendido.

Através dos logs, podemos exergar informações importante, permitindo aos desenvolvedores entenderem o estado dos seus serviços em qualquer momento do presente ou do passado.

Com base nisso, apresentaremos a sua importância e porque podemos o considerar como elemento de primeira ordem respondedo as seguintes perguntas:

  • Quais são as informações importantes que devem conter em logs?
  • E o que não deve conter nos Logs?
  • O que não deve conter nos logs?
  • Existe custo dos logs?

Speakers

izael-effemberg

Izael Effemberg

  

Engenheiro de Software.

Tecnologista consultor.

ThoughtWorker com muitor amor.

Embaixador da diversidade e um constante aprendiz no mundo ágil de desenvolvimento de software.

thaisa-mirely-silva

Thaisa Mirely Silva

 
Consultora de Software que quebra e corrige builds. Atualmente tem interesse em saber mais sobre engenharia de dados, resiliência e afins, e como um futuro tecnológico justo pode ser construído.